Sábado é o dia “D” da vacinação contra sarampo e poliomielite

16/08/2018 10h42

Saiba por que a imunização é tão importante


 
Por: Assessoria de Comunicação
 
Digite a legenda da foto aqui.

No próximo sábado (18) será o dia "D" da campanha de vacinação contra sarampo e poliomielite. Em Ribas do Rio Pardo os postos de saúde receberão as doses e irão funcionar durante o dia inteiro sem intervalo para o almoço. O objetivo é imunizar pelo menos 95% das crianças menores de cinco anos.

De acordo com informações do Data SUS, a cidade de Ribas do Rio Pardo possui quase 1.500 crianças com esta faixa etária. Todos os pequenos desta idade devem comparecer aos postos de saúde independente de sua situação vacinal.

A imunização através das vacinas é considerada um dos maiores avanços da medicina. As doses são responsáveis pela erradicação de diversas doenças consideradas mortais. Desde o nascimento até a terceira idade é importante estar sempre com a carteira de vacinação em dia para evitar adoecer e, desta forma, não contaminar outras pessoas.

Recentemente, com a divulgação de alguns mitos de que as vacinas fazem mal à saúde, algumas doenças como sarampo, rubéola e poliomielite, que estavam erradicadas, voltaram a aparecer no Brasil. Isso aconteceu porque um grande número de pessoas deixaram de se imunizar.

Outro benefício da vacinação está na proteção a longo prazo. Isto significa que as doses irão proteger os indivíduos durante muito tempo, porque a imunização cria uma memória imunológica no organismo.

POLIOMIELITE

A poliomielite é conhecida como paralisia infantil. Ela é causada pelo poliovírus e é mais comum em crianças menores de quatro anos. Entretanto alguns adultos também podem ser atingidos. Os sintomas são considerados leves: febre, dor de garganta, náusea, vômito, constipação e dores abdominais. Entre os infectados, 1% desenvolve a forma paralítica da doença. Uma das consequências é a perda de movimento dos membros inferiores. Ainda não há cura e nem tratamento eficaz para a poliomielite.

SARAMPO

O sarampo é uma doença infectocontagiosa causada pelo morbilivirus. Ela é a principal causa de mortalidade infantil em países considerados subdesenvolvidos. Os sintomas incluem manchas pelo corpo e febre.

A transmissão é feita de forma direta, ou seja, de pessoa para pessoa, através da secreção do nariz e da boca quando a pessoa doente fala, tosse ou espirra. Uma vez confirmado o sarampo, a pessoa deve evitar contato com outras.

Este ano foram confirmados dois surtos da doença em Roraima e no Amazonas com mais de mil casos nos dois estados. Isso aconteceu devido á baixa procura da população pela imunização.