Moradores recebem acompanhamento psicológico e medicamentos para combate ao Cigarro de forma gratuita na Rede Municipal

22/02/2019 11h30

São formados quatro grupos por ano com pessoas encaminhadas pelas Unidades Básicas de Saúde ou até mesmo direto pelo setor e fica aguardando a abertura de novos grupos caso já tenha algum grupo iniciado.


 
Por: Assessoria de Comunicação
 

Parar de fumar nunca é uma tarefa fácil. A boa notícia é que em Ribas do Rio Pardo existem grupos de apoio para incentivar quem deseja abandonar o vício.

A equipe da Coordenadoria de Comunicação esteve na Unidade Básica de Saúde Central com a Psicóloga Luiza Nabarrete, responsável pelo Grupo de Tabagismo que fez todos os esclarecimentos de dúvidas da população sobre como participar das atividades do grupo e entrar na luta contra o uso do tabaco.

São formados quatro grupos por ano com pessoas encaminhadas pelas Unidades Básicas de Saúde ou até mesmo direto pelo setor e fica aguardando a abertura de novos grupos caso já tenha algum grupo iniciado. Os grupos são formados com até 15 pessoas por conta do espaço físico para realização dos encontros, que infelizmente em determinados grupos o número diminui pela desistência dos pacientes em continuar na luta contra o cigarro.

A equipe recebe do Governo Federal as sessões já estruturadas, sendo divididos em quatro sessões de abordagem onde são trabalhados vários aspectos junto à uma equipe médica. Nesta fase o médico entra com o trabalho de medicamentos e uso de adesivo que auxilia no processo de diminuição do uso do cigarro.

Após o trabalho médico, a equipe de psicólogos realiza o trabalho de manutenção do paciente para que ele tenha todo acompanhamento necessário durante o processo e não retorne a fazer o uso do cigarro. A medicação é encaminhada para o Município através do Governo Federal, utilizando como base os atendimentos realizados e as prestações de contas feitas pela equipe acerca dos números de atendimentos realizados no grupo anterior e também os resultados obtidos.

Atualmente já existe um Grupo em andamento e a equipe espera iniciar um novo grupo no início de maio, sendo válido destacar que não existe uma idade mínima para participar, sendo permitido a participação tanto de adolescentes, quanto de adultos. Os encontros são realizados no Posto de Saúde Central na Sexta-feira com a duração de 1h, sempre das 11h às 12h.