Cresce procura por terras em Ribas do Rio Pardo para o plantio de Soja

16/10/2018 08h43

Em busca de diversificar sua economia, a cidade de Ribas do Rio Pardo tem chamado bastante a atenção de agricultores que desejam investir no plantio de soja na região.


 
Por: Assessoria de Comunicação
 

Recentemente foi negociada a venda 3,5 mil hectares de terras para agricultura em Ribas do Rio Pardo. Em busca de diversificar sua economia, a cidade de Ribas do Rio Pardo tem chamado bastante a atenção de agricultores que desejam investir no plantio de soja na região. Este aumento na procura se deve a uma série de ações desenvolvidas pela prefeitura de Ribas do Rio Pardo, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

A primeira dela foi a realização da primeira edição do Dia de Campo, que aconteceu no mês de março deste ano. O evento foi promovido em parceria com o Grupo AF Agronegócios na fazenda Seriema, localizada a 42 km do perímetro urbano da cidade.

Na ocasião mais de 300 produtores rurais, que já trabalhavam ou tinham interesse em investir no plantio de soja, estiveram presentes para obter mais informações sobre o potencial agrícola de Ribas. Um dos negócios mais expressivos fechado recentemente e que começou a nascer durante o Dia de Campo foi a venda de 3,5 mil hectares de terra que foram destinados ao plantio de soja. Em contato com a imobiliária responsável pela transação, não foi informado o valor da negociação e nem o nome do proprietário, devido a um acordo de sigilo entre eles. Sabe-se apenas que o comprador já possui outras propriedades na cidade as terras estão localizadas a 8 km do perímetro urbano, entre Ribas e Camapuã.

Este ano já foram contabilizados 12 mil hectares de soja. Segundo Diógenes Marques, Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, a meta, estabelecida pelo poder público municipal, é chegar a pelo menos, 25 mil hectares até 2020. Estima-se que a cidade tenha mais de 250 mil hectares aptos para a agricultura. Outro fator que tem atraído a atenção dos investidores é o valor do hectare, considerado bastante competitivo para a região, em comparação com outras cidades do Mato Grosso do Sul. Segundo Marcelo Angelo da Maia Cunha, Diretor de Agronegócios, em Maracaju o hectare está sendo comercializado por, aproximadamente R$40 mil. Em Ribas do Rio Pardo o valor, com solo já preparado e irrigado, oscila entre R$12 e R$14 mil.

A produtividade da terra na hora da colheita também tem sido considerada satisfatória. Durante a safra de 2016/2017 foram colhidas 88 sacas de soja por hectare nas plantações da região. No mesmo período, em Maracaju, a safra contabilizou 66 sacas por hectare.