Prefeito participa da campanha de doação de sangue

16/07/2018 10h24

A coleta foi realizada no posto de saúde central


 
Por: Assessoria de Comunicação
 
Digite a legenda da foto aqui.

O prefeito de Ribas do Rio Pardo Paulo Cesar Lima Silveira e a primeira dama Graziela Fontebassi participaram no último sábado (14) da campanha de doação de sangue promovida pelo Rotary Club da cidade em parceria com o Hemosul.

A coleta foi realizada durante o dia inteiro no posto de saúde central e mobilizou voluntários, funcionários do posto e membros do Rotary. Segundo Sidinei Pereira da Silva, coordenador da campanha, foram coletadas 154 bolsas e 35 pessoas foram cadastradas como doadores de medula óssea. Para ele este número é considerado muito bom.

Silveira elogiou a iniciativa e garantiu que sempre vai apoiar estas atitudes. "Vamos sempre contribuir para que possamos fazer o bem ao próximo. Isso vai de encontro com tudo que aprendemos na vida e com o que fazemos à frente do Poder Público Municipal."

O QUE É PRECISO PARA DOAR

Estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos de idade. Menores, com 16 e 17 anos precisam estar acompanhados dos pais ou dos responsáveis legais. É preciso pesar no mínimo 55kg e estar descansado, ou seja, ter dormido pelo menos seis horas na noite anterior. Todos os doadores devem apresentar um documento oficial com foto.

RECOMENDAÇÕES

Não ingerir bebida alcoólica pelo menos 12 horas antes da doação, tomar cafá da manhã antes de doar e evitar alimentos gordurosos pelo menos quatro horas antes da coleta.

EXAMES REALIZADOS

A amostra de sangue colhida permite que sejam feitos exames de tipagem sanguínea, Doença de Chagas, Sífilis, Hepatites B e C, HIV I e II e HTLV.

DOENÇAS QUE IMPEDEM A DOAÇÃO

Doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

Fonte: HEMOSUL